Síntese Natural | Telefones: +55 (011) 5562.1669 / 5072.5452 / 5565.3254 |snatural@snatural.com.br

Aeradores

Aeradores 2017-06-26T11:11:39+00:00

Aeradores na Aquicultura

Sistema de Aeração por Ar Difuso

oxigenação direta do perfil de água;
• desestratificação de camadas ou níveis de profundidade, com presença de lodo no fundo.

O lodo tóxico se forma em condições de falta de oxigênio. A oxigenação de tanques, lagoas, etc., com finalidade de produção de peixe ou camarão é feita com aeradores de elevada vazão de ar e a profundidades médias de 1 – 2 metros. Estes aeradores devem ser flutuantes, para facilidade de manejo, pesca, etc..
A aeração permite o aumento de biomassa para 10 tons/ha de peixe, por ex., sendo que em condições normais os tanques suportam apenas 2 – 4 tons/ha.

A desestratificação de lagoas se faz com aeradores de baixa vazão e colocados a grandes profundidades (10 – 30 metros). São capazes de movimentar grandes volumes de água por minuto. A desestratificação permite o aproveitamento total do perfil da lagoa e evita a mortandade de peixes causada com as inversões de camadas carregadas de gases tóxicos e de elevada acidez, que migram para a superfície por ação de ventos fortes e tempestades.

Esquema:

Oxigenação de Tanques e Lagoas

Vantagens do Sistema de Aeração por Ar Difuso

Consome a metade da energia dos aeradores de Pás;
• Robusto;
• Fácil manejo;
• Peças de reposição nacionais;
• Não violento e Silencioso;
• Um equipamento para vários tanques.